Em Destaque

  • Dragões

    As Guerras de Beleriand foram marcadas por inúmeras batalhas entre Elfos, Anões e Homens contras as hostes de Angband. Embora o grosso dos exércitos de Morgoth fosse constituído por Orcs, inúmeras criaturas habitavam os abismos negros da “prisão de ferro”. Entre as mais misteriosas e fascinantes destas criaturas contavam-se os Dragões, obra do engenho diabólico de Morgoth. A forma como o Vala conseguiu criar estas terríveis, mas admiráveis, criaturas permanece um mistério, mas o seu propósito era claro: aniquilar por completo todos os que se lhe opusessem. Read More
  • Artefactos da Terra Média

    Uma grande característica da literatura Tolkieniana é os pormenores que o autor pôs nela. Nomeadamente, existe tantos detalhes, que não estando com atenção, uma pessoa poderá se perder muito facilmente... Desde a criação de Arda até à 2ª Profecia de Mandos, este mundo está repleto de minuciosidades. E umas dessas minuciosidades são os artefactos que Tolkien criou ao mesmo tempo que ia criando Arda. Read More
  • Anões - Os Filhos de Aulë

     Os filhos de Ilúvatar são os Elfos e os Homens. Mas Aulë, ferreiro e mestre de obras, desejava tanto a vinda dos filhos de Eru, para amar e ensinar, que resolveu criar os seus próprios filhos. Receando que os outros Valar pudessem censurar o seu trabalho, fê-los em segredo e fortes e corpulentos para melhor resistirem a Melkor. Assim apareceram os sete pais dos Anões numa mansão sob as montanhas da Terra Média.  Read More
  • Hobbits

    Para começar, convém referir que a palavra hobbit se trata de uma invenção. O seu nome em Westron é “halfling” e os elfos utilizam o vocábulo Perianath. A palavra hobbit é a forma corrupta da palavra original conservada em Rohan: holbytla, “construtor de buracos”, daí que ao rei Théoden de Rohan o nome “hobbit” não seja completamente estranho. Os nomes pessoais dos hobbits são extremamente originais e provêm dos tempos antigos, como por exemplo, Rechonchudo, Lagarta, Toca, Espartilho, Pé Magnífico, Bom Corpo e Corneteiro. Read More
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4

Brinde de Aniversário a Tolkien

3 de Janeiro, dia já marcado nas memórias dos Tolkienianos ...  Aniversário do grande Mestre John Ronald Reuel Tolkien. A Tolkien Society como já é habitual todos os anos, convida todos os fãs e admiradores do Pai da Terra Média a fazer 1 brinde às 21 horas (hora local) e a levantar o copo e brindar : "The Professor!"   *Toast*

Notícia Original: http://www.tolkiensociety.org/events/tolkien-birthday-toast-2015/

ImprimirEmail

Universidade Nova de Lisboa integra estudo mundial sobre a trilogia The Hobbit

A 12 de Dezembro, o último filme da trilogia The Hobbit vai ser lançado em todo o mundo. Nesse dia, tem início também o mais amplo estudo de sempre, sobre audiências de cinema. Investigadores de 46 países, incluindo Portugal, prepararam um inquérito sobre o significado do género fantástico para pessoas em todo o mundo. O questionário está traduzido em mais de 30 línguas.

 

Em Portugal, a equipa de investigação, coordenada por Cristina Ponte e Jorge Rosa, da FCSH da Universidade Nova de Lisboa, convida espectadores do filme a responderem ao questionário, disponível em www.worldhobbitproject.org. A partir dessa participação, que se pretende massiva, será possível conhecer melhor também o público português na sua relação com o cinema.

 

Algumas perguntas a que o estudo internacional pretende responder são:

 

- Quem gosta e quem critica estes filmes?

- Como é que estes filmes são recebidos em países tão diferentes como Austrália, África do Sul, Japão, Índia, Finlândia, por exemplo?

- Será que conhecer o livro, que tem como base uma história de fantasia, faz diferença na apreciação do filme?

- Como reagem os espectadores à história do filme e com quem partilham as suas impressões?

- Quem se envolve em atividades online e como é que isso afeta as reações aos filmes?

 

Este estudo internacional é independente da New Line Cinema, de Peter Jackson, e da distribuidora NOS. Há 10 anos, um estudo semelhante, coordenado também por Martin Barker do Reino Unido, obteve 25.000 respostas sobre a saga Senhor dos Anéis.

 

CONTACTOS:

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

ImprimirEmail

Novo Portal Tolkienianos

Bem vindos à nova versão do Portal Tolkienianos.

Como devem ter reparado, a anterior versão esteve offline durante alguns tempos, o que me levou a acelerar o processo já em curso de criar uma versão mais leve e com uma melhor integração no fórum. Juntamente com o Gandalf, tenho passado estes últimos dias a resgatar a informação do outro portal para este novo. Apesar de não irem por enquanto encontrar a integração com o fórum, vão encontrar os excelentes artigos que o outro portal continha, assim como notícias actualizadas acerca do mundo tolkieniano. Numa segunda fase irei concluir a integração com o fórum, assim como dar uns acabamentos aqui e ali.

Espero que gostem :) Mas se houver alguma coisa que gostem menos, as vossas críticas serão bem vindas.

darkelve

ImprimirEmail

Novo jogo Tolkieniano

Depois das múltiplas abordagens ao período do Senhor dos Anéis, chega-nos agora uma aventura no período anterior, entre os tempos do Hobbit e daquela obra. A coerência com a obra (ou com os filmes, pelo menos) deverá estar garantida pois o estúdio é uma divisão da Warner Bros. e dizem mesmo ter passado algum tempo com a produção de Peter Jackson.

Trata-se de um MOBA (Multiplayer Online Battle Arena), centrado na personagem de Thalion, um Caminhante que combate Sauron, contactando entretanto com o mundo dos mortos, nomeadamente com Celebrimbor.

A recepção dos fãs tem sido boa, e as análises dos "especialistas" em jogos, não necessariamente fãs deste Universo também o tem sido.

Deixamos uma exemplo:

http://gameover.sapo.pt/artigo/middle-earth-shadow-of-mordor

ImprimirEmail

Capítulo final d'O Hobbit passará a chamar-se "A Batalha dos Cinco Exércitos"

Para trás fica o subtítulo "There and Back Again" que, embora sendo uma referência elegante ao nome do próprio relato escrito por Bilbo, não tinha muita força comercial. Além disso, colocaria aos portugueses um grande desafio de tradução, pois a opção tomada nos livros (Ida e Volta), não se enquadrava na realidade temporal deste filme. Por essa parte, damo-nos por gratos. E venha A Batalha dos Cinco Exércitos! :D

ImprimirEmail